Apostas | Oscar 2016

Apostas | Oscar 2016

- in Apostas, Cinema, Oscar
0

Depois de múltiplas reviravoltas, a temporada de premiações se encerra no próximo dia 28 de fevereiro, com a cerimônia oficial do Oscar 2016. Vale lembrar que tudo apontava, no início, para um embate entre Mad Max – Estrada da Fúria, Carol e Spotlight – Segredos Revelados, porém a maré foi virando proporcionando amplo favoritismo do último longa-metragem citado. Até o início dos prêmios televisionados e sindicatos, despontando O Regresso de Alejandro G. Iñarritu, vencedor do Oscar do ano passado por seu Birdman, e o surgido do nada A Grande aposta como novos duelistas na disputa pela estatueta mais cobiçada. No encerrar das luzes, antes de descobrirmos finalmente os vencedores, parece que Iñarritu está prestes a fazer história e entrar pro seleto grupo dos diretores que venceram consecutivamente o Oscar, se tornando o primeiro latino a tal feito. Mas, com uma temporada tão imprevisível, saliento que é capaz de tudo acontecer no próximo domingo, deixo aqui alguns comentários, apostas e mimimi.

OBS: Se O Regresso vencer melhor filme, será o primeiro filme desde Titanic sem ter sequer seu roteiro indicado e mesmo assim laureado com o prêmio principal. Vai saber, parece que o roteiro -parcialmente- adaptado foi escrito por psicografia.

Lembrando que o Oscar 2016 será exibido na TNT dia 28 de fevereiro, tendo como apresentador o comediante Chris Rock.

Melhor filme: O filme do ano sequer foi indicado (Carol, no caso). Particularmente eu não compreendo a ovação a pelo menos três dos indicados – Perdido em Marte, Brooklyn e O Quarto de Jack. Longas como Macbeth, Youth, Love & Mercy, com cunho mais independente, poderiam facilmente preencher as vagas remanescentes. Ou até mesmo o ambicioso e eficiente Sicário.

Deve ganhar: O Regresso

Pode ganhar: A Grande Aposta

Meu voto: Acho Mad Max o melhor, porém votaria em Spotlight pela eficiência e relevância ímpares.

Faltou: Sicário que tinha chance e capacidade de chegar e foi esquecido em praticamente tudo.

Melhor diretor: Tirando o grande George Miller, foi melhor alheio os outros indicados. Quarto de Jack estar aqui é uma piada de péssimo gosto, até Ridley Scott era merecedor. Acredito na dupla vitória de Iñarritu, sobretudo pelas polêmicas de representatividade na Indústria, o mais progressismo seria premiar um latino… vai entender.

Deve ganhar: Iñarritu e seu Regresso

Pode ganhar: Adam Mckay, a grande aposta

Meu voto: George Miller, Mad Max – estrada da fúria

Faltou: Todd Haynes, Carol. Subestimadíssimo.

Melhor ator: Categoria mais nhé, fazia tempo que uma temporada de atores foi tão fraca. Dicaprio finalmente vai deixar de ser piada e levar seu Oscar pra casa. A apática concorrência ajuda.

Deve ganhar: Leonardo Dicaprio, O Regresso

Pode ganhar: Não tem pra ninguém né?

Meu voto: Bryan Cranston, Trumbo

Faltou: Michael Caine e Harvey Keitel por Youth, John Cusack por Love & Mercy ou até mesmo Michael Fassbender por Macbeth (Steve jobs a mais pura representação da apatia dos atores)

Melhor atriz: Jennifer Lawrence tá fazendo a bonita ai, porque compara-la com a atuação bárbara de Charlotte Rampling é ofensa. No geral foi um ano espetacular para as atrizes, tenho a impressão que dava pra refazer essa categoria facilmente, deixando apenas a veterana intacta.

Deve ganhar: Brie Larson, O Quarto de Jack

Pode ganhar: Difícil alguém tirar o oscar da menina

Meu voto: Charlotte Rampling, 45 anos, sem duvidas uma atuação para a história.

Faltou: Lily Tomlin, Grandma ou Emily Blunt por Sicário -já tá na hora dela ser uma Oscar nomination né?

Melhor ator coadjuvante: A categoria que podia ser a mais plural, indicando um negro,  um latino e uma criança. Preferiram o mais do mesmo e acabou ficando aquela coisa meio nhé, assim como a lista dos protagonistas. Uma pena.

Deve ganhar: Rocky Balboa ou Stallone fazendo o mesmo personagem há 40 anos.

Pode ganhar: Mark Rylance, ponte dos espiões, pela fé

Meu voto: Mark Rylance foi um achado do ano.

Faltou: Idris Elba, Best of no Nation ou Michael Shannon, 99 Homes ou Benicio del Toro, Sicario ou Paul Dano, love e mercy. Viu como dava para refazer a categoria???

Melhor atriz coadjuvante: Duas protagonistas fraudando a cédula e inscritas como coadjuvante. Ok, seria aceitável se a melhor tivesse chance de ganhar. Não tem. Parece que a briga está entre se render por uma novinha, estrela em ascensão e uma veterana que voltou depois do ostracismo. Briga boa.

Deve ganhar: Alicia Vikander, A Garota Dinamarquesa – um deja vu do Oscar da Jennifer Lawrence.

Pode ganhar: Kate Winslet, Steve Jobs – seu filme foi fracassado, mas pode ser arrebatar prêmio de carreira.

Meu voto: Rooney Mara, Carol. Sensacional.

Faltou: Elizabeth Banks, Love e Mercy ou Marion Cotillard Macbeth – ninguém viu esse filme? Ou Kristen Stewart, Acima das Nuvens

Melhor roteiro original

Deve, pode ganhar e é meu voto: Spotlight

Faltou: Youth

Melhor roteiro adaptado

Deve e pode ganhar: A Grande Aposta

Meu voto: Carol

Faltou: Macbeth

Melhor fotografia: O Oscar só ignorava Lubeszki e agora resolveu ama-lo. Pena não ter chegado a vez do Roger Deakins

Deve e pode ganhar: Emmanuel Lubeszki, O Regresso -trabalho auto-plagiador.

Meu voto: Carol

Melhor Efeitos Visuais:

Deve ganhar: Star Wars –  O Despertar da Força

Pode ganhar: O Regresso – eles amam um filme ‘cult’ com efeitos né?

Meu voto: Os quase 2 bilhões tem que render algo pra Star Wars né?

Melhor trilha sonora: Amo o Ennio Morricone, mas nem de longe ele merecia essa ovação de fim de carreira, ainda mais num filme tão insosso.

Deve e pode ganhar: Ennio Morricone, Os 8 Odiados

Meu voto: Carol e seu compositor soberbo.

Faltou: Hello, Youth! Não viram esse filme também??

https://www.youtube.com/watch?v=lDkEAbOZvYM

Melhor canção original: Um prêmio pras gays!

Deve ganhar: “Til it Happens to you” de Lady Gaga e Dianne Warren

Pode ganhar e é meu voto: Simple Song number 3 só por ser mais ‘cult’

Faltou: Brian Wilson pessoal!!

Melhor filme estrangeiro: Sem Brasil na jogada, uma sacanagem porque merecíamos muito. Alias, Portugal e Chile são outros injustiçados, indicaram uns filmes tão zzzzz, pra começar o eventual vencedor.

Deve e pode ganhar: Son of Saul, Hungria – Stop holocausto movies.

Meu voto: O Abraço da Serpente, Colômbia. Sensacional experiência cinematográfica.

Faltou: Brasil e nosso Que Horas ela Volta? Ou Portugal e As Mil e Uma noites volume 2 – o desolado ou O Clube do Chile ou A Assassina de Taiwan.

Melhor filme de animação: Pixar voltou bitchies

Deve, pode e é meu voto: Divertida Mente s2

Faltou: Bob Esponja – Um Herói Fora d’gua que adorei.

Melhor Documentário: O sensacionalista Amy em detrimento da pérola O peso do silêncio.

Melhor direção de arte: A garota dinamarquesa duelando com o regresso. Aposto no primeiro.

Melhor som: O Regresso

Melhor Edição: O Regresso

Melhor Mixagem de Som: Mad Max – Estrada da Fúria

Melhor Maquiagem e Cabelo: Mad Max – Estrada da Fúria

Melhor Figurino: Carol tem que ganhar alguma coisa!!!!!!!

Melhor curta: Ave Maria

Melhor curta documental: Body Team 12

Melhor curta de animação: World of Tomorrow

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.