O cineasta Steven Spielberg fará uma adaptação de Blackhawk (Falcão Negro) para a DC, com a esperança de que assumirá a direção do filme após seus próximos dois filmes.

O anúncio, feito através do site da DC, confirma que o cineasta está na produção, mas não dá seu envolvimento na direção de Blackhawk como certo, por enquanto.

A ideia é que Spielberg se dedique integralmente ao filme somente após suas duas próximas produções, sendo elas, respectivamente, um quinto filme da franquia Indiana Jones e o remake de West Side Story (Amor, Sublime, Amor).

Toby Emmerich, presidente da Warner Bros. -estúdio que recentemente lançou Jogador Nº1-, disse:

Nós estamos tão orgulhosos do estúdio estar por trás do mais recente hit de Steven Spielberg, e estamos empolgados por estar trabalhando novamente com ele nesta nova aventura de ação. Nós mal podemos esperar para ver quais novos terrenos ele irá desbravar introduzindo Blackhawk para o público nos cinemas mundialmente.

O roteiro de Blackhawk está sendo escrito por David Koepp, frequente colaborador do diretor, com quem Spielberg trabalhou em “Jurassic Park“, “Jurassic Park: O Mundo Perdido“, “Guerra dos Mundos” e “Indiana Jones e a Caveira de Cristal“.

Mais recentemente Koepp foi um dos roteiristas de A Múmia e da adaptação homônima de Inferno.

Steven Spielberg vai produzir o filme junto com Kristie Macosko Krieger, sob o banner da Amblin Entertainment, enquanto Sue Kroll será produtora executiva através da Kroll & Co. Entertainment.

Steven Spielberg nota:

Foi maravilhoso trabalhar com a equipe da Warner Bros. para trazer Jogador Nº1 às telas. Eles trazem uma mistura de paixão e profissionalismo para tudo que fazem e possuem uma tremenda história neste gênero. Estou muito animado de me reunir a eles em Blackhawk.

Nos quadrinhos, Blackhawk (ou Falcão Negro na versão brasileiro) é uma série de aventura em tempos de guerra focando no personagem título, que comanda um esquadrão de pilotos ases também conhecidos como Blackhawks ou Esquadrão Blackhawk.

O esquadrão batalharia os poderes do eixo, bem como mais fantásticos super-vilões e máquinas de guerra, como os memoráveis aviões tubarão, que podiam operar tanto na água como no ar.

Enquanto a equipe estreou em 1941 no coração da Era de Ouro dos quadrinhos, eles também foram adaptados à era moderna como parte dos Novos 52 além de ter gerado Lady Blackhawk (Lady Falcão Negro) muito conhecida heroína da DC, que se junto à série nos anos 50.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.