Os vencedores do Primetime Emmy Awards 2018, a 70ª edição do prêmio, foram anunciados em cerimônia realizada na noite de segunda-feira.

Game Of Thrones” foi a grande vencedora outro ano, com 9 categorias contabilizando os Creative Arts Emmy Awards. Logo atrás vieram “The Marvelous Mrs. Maisel” e “Saturday Night Live” , que venceram 8 categoria cada. Depois aparece “The Assassination Of Gianni Versace: American Crime Story” com 7 categorias.

Com 5 categorias vencidas cada ficaram “Anthony Bourdain: Parts Unknown“, “Jesus Christ Superstar Live In Concert“, “RuPaul’s Drag Race” e “The Crown“. Já “Black Mirror: USS Callister“, “Last Week Tonight With John Oliver” e “Westworld” venceram 4 categorias cada.

Outras 5 séries levaram 3 categorias cada, e outras 7 séries 2 categorias cada.

Entre as emissoras, um empate na liderança, tanto HBO como Netflix venceram 23 categorias ao todo cada. A NBC venceu 16 categorias, enquanto a FX Networks venceu 12 categorias. A CNN e a Prime Video venceram 8 categorias cada. National Geographic e VH1 venceram 5 categorias cada. Hulu venceu 4 categorias e a FOX levou 3 categorias. Adult Swim, Cartoon Network, CBS e Starz venceram 2 categorias cada.

Outras 11 emissoras ou meios de streaming levaram 1 categoria cada.

Confira a lista completa abaixo.

Vencedores do Primetime Emmy Awards 2018:

Drama:

  • Melhor Série Dramática:

Game Of Thrones” (HBO)

  • Melhor Ator em Série Dramática:

Matthew Rhys – “The Americans” (FX Networks)

  • Melhor Atriz em Série Dramática:

Claire Foy – “The Crown” (Netflix)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Série Dramática:

Peter Dinklage – “Game Of Thrones” (HBO)

  • Melhor Atriz Coadjuvante em Série Dramática:

Thandie Newton – “Westworld” (HBO)

  • Melhor Direção em Série Dramática:

Stephen Daldry – “Paterfamilias” “The Crown” (Netflix)

  • Melhor Roteiro para Série Dramática:

Joel Fields, Joe Weisberg – “Start,” “The Americans” (FX Networks)

Comédia:

  • Melhor Série Cômica:

“The Marvelous Mrs. Maisel” (Prime Video)

  • Melhor Ator em Série Cômica:

Bill Hader – “Barry” (HBO)

  • Melhor Atriz em Série Cômica:

Rachel Brosnahan – “The Marvelous Mrs. Maisel” (Prime Video)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Série Cômica:

Henry Winkler – “Barry” (HBO)

  • Melhor Atriz Coadjuvante em Série Cômica:

Alex Borstein – “The Marvelous Mrs. Maisel” (Prime Video)

  • Melhor Direção em Série Cômica:

Amy Sherman-Palladino – “Pilot,” “The Marvelous Mrs. Maisel” (Prime Video)

  • Melhor Roteiro para Série Cômica:

Amy Sherman-Palladino – “Pilot,” “The Marvelous Mrs. Maisel” (Prime Video)

Série Limitada e Filme para Televisão:

  • Melhor Série Limitada:

“The Assassination Of Gianni Versace: American Crime Story” (FX Networks)

  • Melhor Ator em Série Limitada ou Filme:

Darren Criss – “The Assassination Of Gianni Versace: American Crime Story” (FX Networks)

  • Melhor Atriz em Série Limitada ou Filme:

Regina King – “Seven Seconds” (Netflix)

  • Melhor Ator Coadjuvante em Série Limitada ou Filme:

Jeff Daniels – “Godless” (Netflix)

  • Melhor Atriz Coadjuvante em Série Limitada ou Filme:

Merritt Wever – “Godless” (Netflix)

  • Melhor Direção em Série Limitada, Filme ou Especial Dramático:

Ryan Murphy – “The Man Who Would Be Vogue,””The Assassination Of Gianni Versace: American Crime Story” (FX Networks)

  • Melhor Roteiro para Série Limitada, Filme ou Especial Dramático:

William Bridges, Charlie Brooker – “USS Callister: Black Mirror” (Netflix)

Variedade:

  • Melhor Série de Variedade – Talk:

“Last Week Tonight With John Oliver” (HBO)

  • Melhor Série de Variedade – Esquetes:

“Saturday Night Live” (NBC)

  • Melhor Direção para Especial de Variedade:

Glenn Weiss – “The Oscars” (ABC)

  • Melhor Roteiro para Especial de Variedade:

John Mulaney  – “John Mulaney: Kid Gorgeous At Radio City” (Netflix)

Reality:

  • Melhor Reality de Competição:

“RuPaul’s Drag Race” (VH1)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.