Westworld | Fãs criam livro ilustrado que mistura realidade e a ficção da série

Westworld | Fãs criam livro ilustrado que mistura realidade e a ficção da série

- in Lançamentos Digitais, Notícias
0

A série WestWorld, bem como este livro que a analisa, talvez não sirva para todo mundo, pois a maioria das pessoas se sentem seguras com as certezas da vida, e satisfeitas com o conforto do qual seus cargos e títulos lhes proporcionam. Se quiser ser desafiado com uma leitura um pouco mais técnica, continue lendo este texto.

Nada poderia representar melhor WestWord que o famoso quadro “Isto Não é Um Cachimbo,” (Ceci n’est pas une pipe) de René Magrite, a obra de arte lhe desafia a questionar a realidade ao representar fielmente um cachimbo e, logo abaixo, afirmar que aquilo ali não é um cachimbo. A pintura e sua afirmação aparentemente contraditórias dão margem a questionamentos sobre como percebemos e interpretamos a realidade a nossa volta.

Rene Magritte questiona os fundamentos quanto a representação das coisas, num esforço para nos fazer perceber que depois de milhares de anos, condicionados pela palavra, estamos a confundir o símbolo com sua representação.

À primeira vista essa condição pode não parecer importante, mas no ato de assistir a WestWorld ela ganha relevância. A violência deixa de ser violência apenas pelo fato de atirarmos em robôs? Ou isso é uma abstração dos desejos reprimidos em nosso subconsciente? Matar robôs deixa de ser assassinato por não se tratar de pessoas reais? Ou o ato de roubar e estuprar, mesmo sendo cometido contra robôs denota uma mente doentia?

Os roteiristas de WestWorld vão bem além do pintor Rene Magritte e nos proporcionam um mergulho num parque temático onde embora “nada ali é real”, Westworlda violência está presente de variadas maneiras, mesmo que “ninguém” morra.

“Isto não é Um Cachimbo”, tanto quanto WestWorld, nos alertam para o fato do nosso próprio ato de ver está condicionado por ideias preconcebidas das quais nos impedem de compreender o mundo que nos rodeia.

Neste livro e na série, você encontrará mais perguntas que respostas.

O que é a verdade? O que é real?

Se há alguma afirmação do livro seria essa: No fundo não temos certeza de nada.

O livro “Você já Questionou a Natureza da Sua Realidade?” analisa as principais correntes filosóficas que estão por trás dos arcos narrativos das personagens de Westworld e sua jornada para o despertar da consciência.

“Nós podemos ser muito mais livres do que achamos que nós somos.” (Michel Foucault)

Se você gostou da série e da proposta deste livro, participe da campanha de financiamento no Catarse, em https://www.catarse.me/voce_ja_questionou_a_natureza_da_sua_realidade_f739

Lá você encontra recompensas além do livro e pode ajudar esse projeto a acontecer!

Confira, abaixo, mais sobre ele.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.