De 18 a 20 de Novembro de 2016 não somente a bilheteria norte-americana, mas também a mundial, viu uma das estreias mais aguardadas do ano liderar de forma tranquila.

Animais Fantásticos e Onde Habitam (Fantastic Beasts and Where to Find Them), o aguardado retorno do universo da saga Harry Potter, encerrado há cinco anos. O primeiro de cinco filmes tinha projeções que iam das mais conservadoras (que se concretizaram) às mais otimistas, variando entre U$ 80 e mais de U$ 90 milhões. Porém, o público parece ter sido formado em maior parte por fãs da saga anterior de J.K. Rowling e, mesmo com uma liderança folgada, considerando a inflação e o advento do 3D a verdade é que o resultado podia ter sido melhor. Foram U$ 75 milhões nos três dias, em 4,144 salas, o que comparado à saga Harry Potter representa a pior estreia. No país, 55% do público foi feminino, enquanto 55% do total de público tinha mais de 35 anos de idade. Com uma censura baixa, apenas 13 anos, surpreende a parcela de apenas 18% ser de público abaixo dos 18 anos de idade.

Internacionalmente foram U$ 143.3 milhões desde quarta-feira, inclusive batendo recordes em 11 mercados estrangeiros. No Brasil foram U$ 6.4 milhões (cerca de R$ 21.7 milhões), enquanto no Reino Unido foram U$ 18.3 milhões, este último grande, sendo números que, na saga de J.K. Rowling, só perdem para os dois últimos filmes. Estreando na China e Japão somente na semana que vem, os números internacionais dessa semana deram ao filme o 30º lugar na lista de maior estreias fora dos Estados Unidos. Mundialmente são U$ 218.3 milhões.

Com David Yates retornando à direção, ele comanda a saga desde A Ordem da Fênix, a produção marca a estreia de J.K. Rowling como roteirista. No elenco o filme conta com Eddie Redmayne, Katherine Waterston, Dan Fogler, Alison Sudol, Colin Farrell, Ezra Miller, Jon Voight e participação especial de Johnny Depp. No Brasil a Warner Bros. Pictures lançou Animais Fantásticos e Onde Habitam no dia 17 de Novembro de 2016. Leia aqui nossa crítica ou assista abaixo em vídeo:

O segundo lugar ficou com Doutor Estranho (Doctor Strange), que perdeu a liderança, depois de duas semanas, e caiu 58.9%. Com mais U$ 17.67 milhões, o filme chegou a U$ 181,5 milhões em 17 dias nos Estados Unidos, superando seu próprio orçamento de produção, estimado em U$ 165 milhões. O filme por enquanto fica como a décima maior bilheteria do Universo Cinemático Marvel, doméstica e mundialmente, deixando para trás Homem-Formiga, Thor, Capitão América: O Primeiro Vingador e O Incrível Hulk. Mesmo sem estrear em nenhum novo mercado, ainda conseguiu fazer mais U$ 26 milhões fora dos Estados Unidos, internacionalmente chegando a U$ 390 milhões.  Mundialmente são U$ 571.5 milhões, tornando o filme a nona maior bilheteria mundial de 2016 até agora.

Doutor Estranho é o décimo quarto filme do Universo Cinemático Marvel (MCU) e tem direção de Scott Derrickson, que co-escreveu o roteiro com Jon Spaihts e C. Robert Cargill, e é estrelado por Benedict Cumberbatch, Chiwetel Ejiofor, Rachel McAdams, Mads Mikkelsen e Tilda Swinton, entre outros. No Brasil o filme estreou em 03 de Novembro de 2016. Assista abaixo ao trailer legendado:

Trolls caiu 50% e uma posição, parando no terceiro lugar. Logo atrás de Doutor Estranho, a animação da Dreamworks fez U$ 17.5 milhões, fechando seu final de semana com U$ 116,2 milhões nos Estados Unidos, o que ainda não supera seu orçamento de produção, estimado em U$ 125 milhões. Internacionalmente já são U$ 145 milhões, para pouco mais de U$ 261,3 milhões mundialmente.

A animação, na versão original, tem dublagem de Justin Timberlake, Anna KendrickJames Corden, Russell Brand, Zooey Deschanel, Christopher Mintz-Plasse, Christine Baranski, John CleeseJeffrey Tambor e Quvenzhane Wallis, com direito a muita cantoria. A distribuição é da Fox Film do Brasil, que lançou o filme no país em 27 de Outubro de 2016. Assista abaixo ao trailer:

No quarto lugar A Chegada (Arrival) fez mais U$ 11.8 milhões, uma queda de 51%, em 10 dias fazendo U$ 43.3 milhões e prestes a igualar seu orçamento de produção, estimado em U$ 46 milhões. Internacionalmente os números ainda são meio complicados, sabendo-se que o filme fez ao menos U$ 3.5 milhões em 22 mercados, indo a U$ 10.8 milhões, mas na espera de números finais. Mundialmente projeta-se que já são U$ 54.2 milhões.

A Chegada, que tem distribuição da Sony Pictures no Brasil, é dirigido por Denis Villeneuve a partir de um roteiro adaptado por Eric Heisserer. Protagonizado por Amy Adams, filme é co-estrelado por Jeremy Renner, Forest Whittaker e Michael Stuhlbarg. No Brasil a estreia do filme, um forte candidato na temporada de premiações, acontece no dia 24 de Novembro de 2016. Assista ao trailer abaixo:

Almost Christmas caiu 53.5% e também perdeu apenas uma posição, ficando em quinto lugar. Fazendo mais U$ 7 milhões o filme chegou a U$ 25.4 milhões, depois de 10 dias já superando seu orçamento de produção, estimado em U$ 17 milhões. Escrito e dirigido por David E. Talbert, o filme tem no elenco Kimberly Elise, Omar Epps, Danny Glover, John Michael Higgins, Romany Malco, Mo’Nique, Nicole Ari Parker, J. B. Smoove, Gabrielle Union, Jessie Usher e DC Young Fly. A distribuição de Almost Christmas é da Universal Pictures, mas o filme não deverá ser lançado no Brasil. Assista abaixo ao trailer oficial, sem legendas:

Confira abaixo as dez maiores bilheterias do final de semana de 18 a 20 de Novembro de 2016 nos Estados Unidos:

Posição Título Semana Total
1. Animais Fantásticos e Onde Habitam U$75,000,000 U$75,000,000
2. Doutor Estranho U$17,676,000 U$181,542,877
3. Trolls U$17,500,000 U$116,214,533
4. A Chegada U$11,800,000 U$43,370,799
5. Almost Christmas U$7,040,000 U$25,420,740
6. Hacksaw Ridge – Até o Último Homem U$6,750,000 U$42,854,292
7. The Edge of Seventeen U$4,825,000 U$4,825,000
8. Sangue Pela Glória U$2,357,946 U$2,357,946
9. O Contador U$2,115,000 U$81,252,018
10. Refém do Medo U$1,600,000 U$6,036,645

Os dados para a bilheteria dos dias 18 a 20 de Novembro de 2016 foram retirados dos sites  Box Office Mojo, Hollywood Reporter e Box Office Pro. Os valores estão na moeda norte-americana (dólar).

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.