No dia 06 de outubro, a 10ª edição do Olhar de Cinema começa, mais uma vez, colocando em destaque o cinema brasileiro contemporâneo: O dia da posse, novo longa-metragem do cineasta carioca Allan Ribeiro, será o longa de abertura. Trata-se de uma estreia mundial de um cineasta de carreira consolidada e cuja trajetória se encontra com a do festival em seus dez anos de história – em 2015, o cineasta esteve no Olhar com o documentário Mais do que eu possa me reconhecer. 

O dia da posse é um filme que, embora atravessado pela pandemia, não se resume a ela: reimagina um Brasil outro”, comenta Antônio Jr, diretor do festival.

O DIA DA POSSE
Allan Ribeiro | Brasil, 2021, 70’
Brendo quer ser presidente do Brasil. Enquanto esse dia não chega, ele estuda direito, faz vídeos para as redes, sonha com novas conquistas e se imagina em um reality show, durante a pandemia.


O 10º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Cinema conta com patrocínio do Banco Itaú, apoios de Itambé, Grupo Servopa, Intersept, Tintas Verginia e Lojacorr, apoio cultural do Projeto Paradiso, incentivos da Lei de Incentivo à Cultura, Fundação Cultural de Curitiba, Prefeitura de Curitiba e da Lei de Incentivo à Cultura da Secretaria Especial de Cultura do Ministério do Turismo – Governo Federal.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.