Domingo, 10 de junho, às 14h, no SESC Paço da Liberdade (Praça Generoso Marques), será realizada a mesa “Políticas de representatividade trans no cinema”’. A mesa irá discutir os estereótipos na representação cinematográfica de pessoas trans, a construção de narrativas que desestabilizam estigmas e a presença de artistas e profissionais trans em frente e atrás das câmeras.

A mesa contará com as participações das diretoras Débora Zanatta, do curta-metragem “Primavera de Fernanda” e Brunna Laboissière, realizadora do documentário “Fabiana”; Fabiana Camila Ferreira, mulher trans caminhoneira goiana, aposentada depois de 30 anos nas estradas; Laysa Machado, mulher trans e professora de História na rede estadual de ensino; Megg Rayara, mulher trans e pesquisadora de Arte Africana e Afro-brasileira, Gênero, Raça e Diversidade Sexual; e Priscila Cardoso, mulher trans e personagem do documentário “Fabiana”.

Além de “Fabiana”, que está na Mostra Competitiva, e “Primavera de Fernanda”, na Mirada Paranaense, o Olhar de Cinema traz outros filmes que abordam a questão trans, como o curta-metragem “Estamos Todos Aqui”, de Chico Santos e Rafael Mellim, na Mostra Foco.

Seminário “Políticas de representação e representatividade trans no cinema”

DATA E HORÁRIO: DOM 10/06 | 14H00
LOCAL: SESC PAÇO DA LIBERDADE PRAÇA GENEROSO MARQUES

Olhar de Cinema

O Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba acontece de 6 a 14 de junho. O evento, em sua sétima edição, tem como objetivo destacar e celebrar o cinema independente, por meio da seleção de filmes com propostas estéticas inventivas, envolventes e com comprometimento temático.

Ao mesmo tempo em que resgata clássicos do passado, oferecendo a oportunidade do público de descobrir e redescobrir olhares já reverenciados, o festival apresenta ao público novos diretores que, mesmo com uma curta filmografia, possuem forte identidade artística. Dessa maneira, o evento tem a intenção não só de proporcionar ao público experiências cinematográficas singulares, mas também fomentar a reflexão acerca da linguagem e história do cinema.

Paralelamente às exibições, o festival promove o Curitiba_Lab, iniciativa que busca estimular e aprimorar o desenvolvimento de projetos e que, este ano, selecionou nove projetos dentre 70 inscritos. Além disso, serão três oficinas voltadas para animação, som e roteiro, e diversos seminários, que trarão ao debate questões como a distribuição do cinema de autor, crítica e curadoria, representação e representatividade.

O 7º Olhar de Cinema é uma realização da Grafo Audiovisual em parceria como o Ministério da Cultura e conta com o patrocínio BRDE, FSA, Ancine e apoio SESI-PR.

SERVIÇO

7º Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba
De 6 a 14 de junho
Locais: Shopping Nova Batel (Cineplex Batel), Shopping Crystal (Espaço Itaú de Cinema), SESC Paço da Liberdade, Centro Cultural SESI Heitor Stockler de França
Ingressos para os filmes: R$ 12 (inteira) e R$ 6 (meia)
Os ingressos começam a ser vendidos dia 30 de maio. Demais atividades gratuitas e sujeitas à lotação da sala ou inscrição prévia.
Site: http://olhardecinema.com.br
Facebook: facebook.com/olhardecinema
Twitter: twitter.com/Olhardecinema_
Instagram: instagram.com/olhardecinema

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.