Título Original: Atrapa La Bandera

Direção: Enrique Gato

Roteiro: Jordi Gasull, Neil Landau e Javier López Barreira

Elenco: Oriol Tarragó, Michelle Jenner, Dani Rovira, Javier Balas, Carme Calvell

Produção: Álvaro Augustín, Ghislain Borrás, Ignacio Fernandes-Vega, Jordi Gasull, Nicolás Matji, Edmon Roch, Javier Ugarte.

Estreia Mundial: 28 de Agosto de 2015

Estreia no Brasil: 21 de Abril de 2016

Gênero: Animação

Duração: 94 minutos

Classificação Indicativa: Livre

atrapa-bandera

Que criança nunca sonhou em ser astronauta? Até hoje quando assisto a documentários que abordam o espaço eu continuo alimentando essa vontade de sair da terra e explorar outros planetas. Então, é óbvio que No Mundo da Lua me pegou de uma maneira diferente. Entretanto, não é preciso todo esse interesse pelo extraterrestre para ser fisgado pela produção, visto que, não só a história é interessante para as crianças, como também há uma série de referências ao nosso mundo que, com certeza, levarão as pessoas mais velhas às gargalhadas.

A despeito de ser uma ficção, o longa utiliza de argumentos calcados na realidade para construir o seu roteiro, aliás, usa a boa e velha teoria da conspiração de o homem nunca foi a lua para construir todos os conflitos, inclusive com a aparição de um sósia de Stanley Kubrick em uma cena hilária. Pois bem, o vilão Richard Carson III consegue manipular a população e utiliza de toda a sua influência e riqueza para construir uma nave espacial, prometendo que será, de fato, o primeiro homem a pisar na Lua. Porém, na verdade, ele quer ir para lá apenas para extrair um mineral precioso e aumentar a sua influência financeira sobre todos os países do mundo. A presidente dos EUA (sim, temos aqui uma presidente mulher) percebe a jogada e manda a NASA correr para chegar ao satélite antes de o vilão roubar a bandeira e acabar manipulando a história.

Atrapa6_detalle

Ao mesmo tempo acompanhamos os jovens Igor, Marty e Amy que acidentalmente acabam no foguete e acabam indo para a Lua para impedir Carson III de alterar a história e, também, retirar os minérios de forma inapropriada. E se até este ponto a narrativa se mostrava coerente, a partir do momento em que eles entram nessa viagem, o clima muda para uma ação com diversas cenas de perseguição e batalhas, o que acaba mudando um pouco o ritmo do filme e que, provavelmente possa cansar um pouco mais as crianças, ao passo que deixe as pessoas adultas mais interessadas.

A despeito de não ser uma maravilha da Pixar ou da Dreamworks, No Mundo da Lua tem potencial de agradar a todos os públicos, uma vez que trata de temas atuais de forma inteligente (teorias da conspiração, dificuldades financeiras da NASA, mulheres no poder, exploração espacial…). Além disso, é sempre interessante quando temos uma animação que não é dos estúdios supracitados, o longa em tela foi feito majoritariamente por produtoras espanholas e apresenta uma qualidade muito semelhante às realizadas pelos norte-americanos. Desejo-os vida longa para, quem sabe um dia, venham a nos brindar com obras primas. De qualquer forma, No Mundo da Lua já é um excelente ensaio.

TRAILER DUBLADO

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.