Título Original: A Walk Among the Tombstones

Direção: Scott Frank

Roteiro: Scott Frank

Elenco: Liam Neeson, Dan Stevens, David Harbour

Produção: Tobin Armbrust, Danny DeVito, Brian Oliver, Michael Shamberg, Stacey Sher

Estreia Mundial: 19 de Setembro de 2014

Estreia no Brasil: 04 de Dezembro de 2014

Gênero: Ação/Suspense/Drama

Duração: 114 minutos

Classficação Indicativa: 14 anos

awalkamongthetombstones1

É…não está fácil para ninguém: final de ano; natal; presentes e o 13º não dá conta de tudo. Claro sempre surge aquela reforma inesperada, principalmente no banheiro. Eis que Liam Neeson, para sobreviver a todas essas festividades e a reforma, resolve fazer Caçada Mortal (vou relevar essa tradução brasileira sacana que quer fazer alusão ao Busca Implacável), que até consegue ser eficiente no que se propõe, mas acaba por ser mais do mesmo.

Liam Neeson, opa, quer dizer, Matt Scudder é um policial aposentado que atua extraoficialmente como detetive particular. É proposta ao protagonista uma investigação sobre uma série de mulheres de traficantes de drogas que estão sendo sequestradas e mortas, mesmo após o pagamento da quantia pedida pelos sequestradores. Cabe, então, ao detetive descobrir o que está acontecendo e sim, o que vai acontecendo é exatamente o que você está pensando.

Técnicamente, só tenho elogios à produção, muito bem fotografada, transformando Nova York em um cenário tenso e sombrio, saindo do lugar comum, como Central Park, para ir para o East Village que tem um clima bem diferente, quase que em ruínas, comparado ao resto que sempre é mostrado em Hollywood. Figurino, também, muito sensato e coeso com os personagens, o personagem de Neeson, por exemplo, está sempre vestido com cinza e preto que demonstram o quanto ele é perigoso, ao passo que deveras infeliz com a vida que leva.

tombstones3

Além disso, temos Scott Frank, mais conhecido por seus trabalhos como roteirista, na direção o que é uma grata surpresa, visto que ele conduz a narrativa de forma bastante eficiente, sempre empregando o melhor ângulo para trazer a tensão e o suspense que conseguem estar presentes do início ao fim da pelicula.

Se por um lado, ele acerta na direção, no roteiro, ele acaba errando feio. No início, Frank consegue estabelecer muito bem os personagens, criando um ar de suspense muito interessante e intrigante. Com o desenvolver da história, entretanto, os acontecimentos vão ficando deveras previsíveis e clichês. É praticamente ladeira abaixo, começa muito bem e vai decaindo de uma forma absurda.

O resultado, porém, poderia ser muito pior se não tivéssemos Liam Neeson como protagonista. Ele segura e carrega a produção nas costas. Mesmo com um roteiro ruim e um personagem extremamente clichê e caricato, ele faz com que nos interessemos pela história a ponto de aguentarmos até o final.

walk_a_0

No fim das contas, Caçada Mortal é mais do mesmo, mas que, mesmo assim, se sai acima da média do gênero. Funciona ao que se propõe sem se preocupar em inovar ou reinventar a roda. De qualquer forma, a linha entre o interessante e o chato é bem tênue nessa película, pelo menos temos Liam Neeson que faz de tudo para que toda produção não vá pelo ralo e, sim, sempre é bom vê-lo em tela grande.

About the author

Editor-Chefe do Cine Eterno. Estudante apaixonado pelo universo da sétima arte. Encontra no cinema uma forma de troca de experiências, tanto pelas obras que são apresentadas, quanto pelas discussões que cada uma traz. Como diria Martin Scorsese "Cinema é a importância do que está dentro do quadro e o que está fora".

Related Posts

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.